O melhor de 2015

06:16:00

2015 já tá terminando e pra mim foi um ano de tomar decisões. A primeira e mais importante delas é que provalvelmente  2016 seja o nosso último ano aqui na Austrália. Depois de ter voltado as minhas duas "casas" : Salvador e Barcelona, ficou muito claro pra mim onde quero viver os próximos anos da minha vida. Raramente falo de mim aqui no blog, mas essa dúvida andava dando volta na minha cabeça faz tempo e quem me conhece sabe o quanto estou feliz de ter as coisas mais claras agora. Foi no momento que pisei em Barcelona vi que o sentimento de "me sentir em casa" só acontece lá. A minha visita à Bahia também ajudou na minha decisão, já que toda minha familía quer que eu volte pra capital da Catalunha.

Sagrada Família

Feliz em terras catalanas

Mas voltando a falar de viagens, 2015 começou muito bem obrigada, numa viagem a Singapura, um dos países do Sudeste Asiático que eu ainda não tinha visitado. Passar a virada do ano lá rodeada de amigos foi inesquecível e estar hospedada no Marina Bay Sands foi uma experiência e tanto.








Conhecer mais a Austrália esse ano foi outra coisa que me deixou muito feliz. Depois de fazer a famosa Costa Leste australiana em 2014, era hora de conhecer lugares menos explorados como a Tasmânia. Um baita de um presente de anivesário que eu dei a mim mesma!!!




No meio do ano aproveitando a minha visita ao Brasil, carreguei toda a minha família numa viagem maravilhosa para Jericoacoara. Sem dúvida uma das melhores coisas que eu vivi esse ano. Não só deu pra matar a saudade deles como fiquei feliz de saber que o vício de viajar é coisa de família!
Eu e minha família de boa na Lagoa

Apaixonados por pôr-do-sol

Fiz valer a pena minha viagem até o Brasil e além de visitar Jericoacoara e Salvador, voltei a Chapada Diamantina, dei um pulinho em Aracaju e relaxei na Praia do Forte e Imbassaí.

A azul Pratinha na Chapada Diamantina

O sempre perfeito pôr-dol-sol no Porto da Barra em Salvador

A linda orla de Aracaju.

Na Espanha, também estiquei minha estadia a Barcelona e fui passar uns dias em Valência. Aproveitamos para visitar um grande amigo que fizemos na Austrália para conhecer-la. Amei tanto a parte nova como o casco antigo da cidade

Ciudad de las Artes y las Ciencias

Parte antiga da cidade de Valencia

E pra terminar com chave de ouro nosso ano de viagens, Noosa ganhou meu coração nesse finalzinho de ano. Se não fosse por ela esse segundo semestre tinha passado batido. Gostei tanto de lá que já cheguei a cogitar a possibilidade de passar esse último ano de Austrália na cidade costeira.

Noosa e sua vibe


Que 2016 nos traga mais saúde e muitas viagens que nos façam tomar decisões nas nossas vidas e valorizar o que realmente importa. Que nossa coluna siga sendo resistente para aguentar os próximos mochilões do ano que vem. Amém!

FELIZ ANO NOVO!

You Might Also Like

0 comentários

Fazemos parte